Lido 28.092 vez(es)

A entrevista para o visto

Viajando Deixe seu comentário
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 voto(s))
Loading...
Envie para um(a) amigo(a) Envie para um(a) amigo(a)

Hoje fui fazer a entrevista para o visto americano. Essa é a primeira vez que tenho que fazer isso, já que meu primeiro visto me foi concedido em 1997, com validade de 10 anos. Naquela época apenas alguns “sortudos” tinham que fazer entrevista para o visto, e com grandes riscos de ter o visto negado. A maioria de nós pagava os serviços de um despachante que dava a entrada na documentação e ficava na fila do visto.

Bem, as coisas mudaram muito desde então. Agora, para se solicitar o visto é preciso acessar um site especial da embaixada (www.visto-eua.com.br) e pagar uma taxa de R$ 38,00 para poder agendar a entrevista. E todos tem que fazer a entrevista, não importando se é o primeiro visto ou uma renovação (como no meu caso).


Após preencher todos os formulários meus e da minha filha mais nova no site (além de um que deve ser impresso e preenchido à mão), o site disponibiliza um calendário com as datas e horários disponíveis para a entrevista. Aqui em São Paulo o agendamento está por volta de 45 dias. É possível alterar dados do seu cadastro após ter realizado o agendamento, o que é muito bom para corrigir endereços de hotel ou o período de estadia. Infelizmente ainda é preciso imprimir os formulários e levá-los em mãos para a embaixada.

Pois bem, o dia chegou e eu fui para a minha entrevista, marcada para as 8:30h da manhã. Cheguei às 8h e descobri que já podia entrar. Aliás, 15 minutos depois o pessoal das 9h estava entrando. Todo mundo é revistado e eles pedem pra gente desligar os celulares.
Cheguei lá dentro e me sentei em uns bancos. Aí uma equipe de funcionários passou revisando os formulários e grampeando a foto e o comprovante de pagamento da taxa de US$ 100 (que viram R$ 200 e devem ser pagas previamente em uma agência do Citibank). Então nos deram uma senha. Apesar de eu ter chegado no local às 8h, minha senha já era a de número 165, e isso já descontando os atendimentos preferenciais, que não recebem senha.

O primeiro guichê ao qual se é chamado é super tranquilo e rápido. A pessoa verifica a documentação e valida com o sistema. A atendente foi muito gentil e até comentamos sobre uma falha no novo passaporte brasileiro, que não trás mais dados da filiação (isso parece-me muito importante para quem tem crianças pequenas, como eu!).

Após essa validação, os formulários e passaportes são retidos e fica-se aguardando a chamada para tirar as impressões digitais. A chamada é aleatória e feita apenas pelo sistema de áudio, então tive que ficar atento a todas as chamadas. Após uns 30 minutos fui chamado para o segundo guichê. A atendente, simpática, colheu digitalmente minhas digitais e me devolveu os formulários e os passaportes, pedindo que eu esperasse pela entrevista.

A chamada para a entrevista é feita em ordem sequencial, pela senha recebida no início. Quando sai do guichê, umas 9:20h, a entrevista estava no número 30, mais ou menos. O meu era o 165! A embaixada até que tenta amenizar as coisas, mas existe mais gente do que lugar nos bancos, e infelizmente estava chovendo, o que inibia o acesso àlanchonete que existe ali perto (e que também possui um display com o número chamado para a entrevista).
Minha entrevista aconteceu por volta das 11h. Foi muito rápida, com apenas algumas perguntas rotineiras, como com quem eu iria viajar, a quanto tempo trabalhava na empresa e o que a minha esposa fazia. Não precisei apresentar nenhum dos documentos que levei (declaração de imposto de renda, contrato da empresa, passagens aéreas, estadia nos hotéis, etc). Dois minutos bastaram para que a atendente, mais uma vez muito simpática, me dissesse que haviam aprovado o meu visto.

Depois disso ainda enfrentei a fila dos Correios para solicitar o envio dos passaportes para casa, via Sedex. É possível retirá-los ali, na parte da tarde, mas eu acho que não compensa o sacrifício (e o custo). O Sedex para a capital fica em R$ 16,00. Para o interior de São Paulo sai R$ 18,00.
Infelizmente a pessoa que desenvolveu o envelope que deve ser preenchido nos Correios esqueceu de desenvolver a caneta correta para preenchê-lo. O envelope só é preenchido com alguns tipos de caneta, e havia apenas uma caneta disponível na bancada dos Correios.

Pois bem, as 11:30h eu saí da embaixada, muito feliz por ter meu visto renovado e muito cansado por todo “chá de cadeira” que tomei.

Agora vamos as dicas:

– Procure levar mais de uma caneta, de preferência de modelos diferentes. Aparentemente as canetas de escrita fina ou de escrita bem grossa são as que melhor escrevem naquele envelope de plástico;
– leve dinheiro para gastar na lanchonete e para pagar os Correios, que só aceitam dinheiro (pobre empresa estatal atrasada!);
– Leve algo para ler. Isso deve ajudar a passar as horas enquanto espera ser chamado;
– Mesmo que não os utilize, leve todos os documentos que puder para comprovar que existe vínculo com o Brasil, principalmente vínculo financeiro.

Em um próximo post conto um pouco da epopéia que é tirar o novo passaporte nessa cidade.






Leia também ...




131 Respostas to “A entrevista para o visto”

  1. Teixeira Diz:

    Meu visto foi concedido, mas quando o passaporte chegou na minha casa, eis a surpresa ele só tem validade de um ano e só permite uma entrada nos Estados Unidos (e na parte de anotações vem dizendo quais cidades eu falei que ia visitar). Isso já aconteceu com alguém? Nunca tinha ouvido falar que isso era possível, para mim ou eles negavam o visto ou davam o visto com validade de 5 anos, não sabia que tinha um meio termo. Como pretendo voltar lá no ano que vem, vou ter que tirar outro visto, ou seja, vou ter que passar de novo pelo perrengue da entrevista e pagar outra taxa.

  2. juliano Diz:

    Eu to querendo fazer meu visto de turista para ir aos EUA e estou com uma duvida, sou de porto alegre posso agendar para o rio de janeiro ja que estarei la no mes de novembro de ferias?

  3. Pâmela Branco Diz:

    Olá,
    Tenho uma entrevista de visto no dia 01/11 e estou com medo do que falar lá na hora. Eu quero viajar pra NY mas não sei ainda pra onde eu quero ir exatamente. Eu estava lendo as perguntas do pessoal e essa penultima do teixeira me deixou bastante confusa. Se eu falar la na hora que eu talvez vá de excurssao, pode ocorrer de sair nesse lugar de observações que eu só posso entrar no territorio americano com a excurssão, caso sim, com que frequencia isso ocorre? Se eu falar que vou a turismo eles vao me perguntar se eu sei falar ingles ou algo parecido independente dos outros documentos que comprovem minhas condiçoes aqui no Brasil?
    Obrigada…

  4. ELIANA Diz:

    OLÁ,
    GOSTARIA DE SABER SE POSSO FAZER A ENTREVISTA JUNTAMENTE COM MEU MARIDO, SEM TER CERTIDÃO DE CASAMENTO. E, NESTE CASO, QUE DOCUMENTOS ELES PODEM PEDIR PARTA COMPROVAR A UNIÃO ESTÁVEL DE 20 ANOS. OBRIGADO

  5. Fernanda Diz:

    Olá, gostaria de uma orientação sobre a entrevista. Fiquei sabendo q o visto pode ser negado por eu está indo de férias somente com o meu esposo, e meu filho ficando no Brasil, o q acha? ja aconteceu algo assim, de ser negado o visto pq não ta levando o filho?

  6. Ana Laura Diz:

    Bom dia!
    No começo de 2011 vou para boca raton estudar inglês por quatro meses com o meu namorado, porém ele irá para trabalhar (ja com o ingles fluente e o emprego garantido, pois o clube de golfe irá contrata-lo diretamente).
    A minha duvida é a seguinte:
    Passado estes 4 meses, se eu quiser mudar meu visto de estudante para trabalho é possivel se o clube me oferecer um emprego? Para que isto aconteça eu tenho que sair do país e retornar, ou posso continuar nos eua?

  7. Karla Diz:

    Olá, Gostaria de saber mais ou menos…Pretendo ir para a Disney em julho com a familia do meu namorado em uma excurssão de 16 dias, tenho 22 anos, não trabalho, mas faço faculdade e tem uma empresa da minha mãe que está no meu nome! Será que seria muito dificil?

  8. rosi Diz:

    boa tarde, preciso de uma informação de quem, por obséquio, puder ajudar. Qual a probabilidade de se conseguir um visto para usa depois de ter tido um visto cancelado? agradeço desde logo a ajuda.
    abs.
    Rosi

  9. Natalia Diz:

    Olá !! Por favor me ajudem… Comecei a preencher o cadastro no site para agendar o visto e preenchi o campo “Nome” e “Sobrenome” errado (acreditem!..rs), coloquei o 1º sobrenome junto com o nome e está errado, teria que ser no outro campo. Agora não consigo alterar, como faço para alterar ??? Será que tem algum problema se ficar assim ? Obrigada!




  10. RENAN NUNES Diz:

    OI,
    MEU VISTO FOI NEGADO N 1 VEZ TENHO CHANCE DE CONSEGUIR
    EU TENHO 17 ANOS E TENHO ESSES VINCULOS COM O BRASIL
    CPF,INDENTIDADE,CERTIDAO DE NASCIMENTO,
    FAÇO CURSO DE INGLES 3 ANOS COMEÇEI AGORA,ESTUDO N ESTADO TENHO CARTEIRA DE TRABALHO(N ASSINADA) E TITULO DE ELEITOR
    QUERIA SABER SE TENHO CHANCES DE CONS3EGUIR O VISTO.
    ELE FOI NEGADO D 1 VEZ
    E QUEM VAI PAGAR MINHA VIAGEM E MINHA AVO ELE E ISENTA DE IR
    N HORA QUE FUI N 1 INTRAVISTA O CONSUL QUERIA SABER COMO EU ERA N ESCOLA NOS ANOS ANTERIORES SO QUE SO ESATVA COM A DECLARAAÇO DA ESCOLA OQ ACHA QUE OCORREU AI O VISWTO FOI NEGADO POR CAUSA DISSO

    MAIS UMA VC SABE DE ALGUMA EMPRESA DE VIAGEM DO RIO QUE AUXILIA NA HORA DE TIRAR O VISTO

    VLW




  11. ana rosa Diz:

    Bom dia! gostaria de saber se tenho um prazo para permanecer ilegal nos EUA sem consequencias graves. caso permaneça 15 dias a mais do prazo estipulado para sair do país o que acontece? obrigado pela atenção




  12. Alex Diz:

    Olá Ana Rosa,

    Existe um prazo onde as coisas ficam bem graves, mas eu não tenho certeza do prazo mais. Acho que 15 dias não fará tanto dano, mas poderão te questionar da próxima vez que vir. O melhor a fazer é consultar um advogado ou o departamento de imigração.

    Boa sorte!




  13. rafaella cardoso Diz:

    Olá,
    Boa Tarde, meu filho vai viajar pra disney agora em junho, a avó que esta pagando a viagem,ele tem 11 anos , vai de excursão desacompanhado da familia e mesmo assim o visto foi negado, eles nao alegaram o motivo, vou tentar novamente o visto, sera que tem algum problema ( num periodo de 2 meses)??




  14. SUZANA Diz:

    BOA TARDE SR. IVAN, MINHA ENTREVISTA PARA SOLICITAR VISTO SERA EM AGOSTO-2011. SOU A REQUERENTE PRINCIPAL E INCLUI MEU PAI, QUE JA POSSUI O VISTO, NA MINHA ENTREVISTA PARA VEREM SEU PASSAPORTE E CONFIRMAR INFORMAÇÕES. TEREI QUE PAGAR DUAS TAXAS DE $140,OO DOLARES, OU SÓ UMA ? O VISTO DELE É VÁLIDO ATÉ 2013 E ELE JA FOI E VOLTOU AOS EUA. A SOLICITAÇÃO DE VISTO SERÁ APENAS PARA MIM, ELE QUER IR AOS EUA NOVAMENTE E PEDIU PARA QUE EU O ACOMPANHE. DESDE JÁ LHE AGRADEÇO, OBRIGADA.




  15. Luis Felipe Diz:

    Boa noite,sou militar e estou indo para os EUA de férias final do ano,estou preocupado com a entrevista pois minha esposa parou de trabalhar recentemente pois está fazendo mestrado e teve que parar para poder conciliar…já me falaram que no meu caso é tranquilo pois sou militar,etc…de qualquer forma pedi todos comprovantes possiveis..devo fazer mais alguma coisa?ela pode ser rejeitada?
    grato,




  16. Fernando Augusto Diz:

    Boa Tarde, estou com algumas pendencias no SPC, por conta de problemas com a VIVO que tive essa semana, e minha entrevista esta marcada para o dia 15 de agosto, caso esse problema nao esteja resolvido ate lá….corro o risco de ter o visto negado…tenho todos os requisitos para ter vinculo no Brasil…faço faculdade e tenho uma empresa..Obrigado




  17. Caroline Diz:

    Ivan boa noite, tenho várias dúvidas ehheh;meu noivo quer tentar o visto para viajarmos ano que vem. Mas ele trabalha como Pj sob contrato,tem uma empresa emite nota fiscal tal. Eu não trabalho, sou formada mas a anos tive que abdicar da minha vida profissional para cuidar da minha mãe, hj estou com meu nome sujo, consequência de ficar em casa. Ele vai custear tudo, ano passado fomos para Itália, ele já pagou td.Não tenho nada no meu nome, nem casa, nada apenas uma moto. será que consigo o visto?




  18. Agatha Cristina Diz:

    Olá, gostaria de uma ajuda. Pretendo ir aos EUA em Julho do ano que vêm. Vou à passeio com meu esposo para a Disney. Vamos tirar o passaporte em breve e só depois tirar o visto. Por motivos de lotação e preço mais em conta, fomos orientados a reservar passagens e hospedagem em Janeiro (provavelmente ainda não teremos feito a entrevista para tirar o visto). Corremos o risco de não conseguir o visto? Temos vínculo empregatício aqui no Rio de Janeiro (inclusive estamos na fila de espera de um concurso público – quase sendo chamados).
    Obrigada!!!




  19. Denis viana Diz:

    minha entrevista:
    – bom dia!
    -bom dia!
    -para onde voce vai?
    – eu vou pra um congresso de dentistas em nova york
    – humm voce é dentista
    – e voce trabalha?
    – nao, sou recem formado, e estou fazendo pos graduação
    -legal
    – voce fala ingles?
    – meu ingles é intermediario, mas no congresso terá tradutores simultâneos em portugues.
    olhou meu passaporte e perguntou:
    – quando voce foi a europa?
    fui em dezembro de 2010 e voltei em janeiro de 2011.
    – ok, pague a tava do visto e ele chegara em sua casa em até 10 dias.

    e só, ela não me pediu nenhum documento, enas meu passaporte…hahahah




  20. nelson Diz:

    tenho um filho que trabalha nos eua ja fui visitalo porem meu visto venceu tenho 65 anos nao estou livre da entrevista




  21. Gustavo de Castro Lima Diz:

    Boa Tarde!

    Agendei meu visto em Brasília para o dia 16 de Dezembro de 2011 as 10:00 horas. Contudo meu passaporte estava vencido e foi necessário renová-lo. Mas eu achei que o número do passaporte continuaria o mesmo, sendo que ele foi trocado. Mas no agendamento consta o número do passaporte antigo!
    Eu gostaria de saber se será necessário realizar um novo agendamento com o número de passaporte novo.

    Em qualquer um dos consulados as datas disponíveis mais cedo são para inicio de Janeiro. Contudo eu preciso muito do passaporte com o visto valido em maos já para o fim de Dezembro desse ano, caso contrário perderei toda uma viagem já programada!

    Ficaria extremamente grato pela sua ajuda,

    Um abraço,

    Gustavo




  22. Karina Diz:

    Olá!! Hoje foi minha entevista em recife. Estava super nervosa, pq tenho 24 anos, ja sou formada em farmácia e atualmente faço Habilitação em bioquimica na UFPA




  23. Gwallbhert Rennan Diz:

    Cara, estou inicio do processo do passaporte, porém já tenho uma grande dúvida, qual é o tempo aue eles liberam para permanecer no país visitado? ( USA ) no caso vou ir por intercâmbio em Julho de 2012, onde devo passar 6 Semanas estudando o idioma local, porém minha tia mora na mesma cidade, gostaria de saber se poderia permanecer alguns meses na casa dela e tal, ou eles liberam apenas o tempo de estagio ou quem sabe, isso nao tem nada haver’




  24. Ana Diz:

    Quero alterar dados cadastrais no agendamento como nome e sobrenome e imprimir o comprovante de agendamento que nao imprimi na hora que consegui ad=gendar. Como faço?




  25. Ze carlos Diz:

    Ola Ana,

    Não tem como alterar esses dados cadastrais! mas você pode ir assim mesmo, nao tem problema, o importante é você preencher corretamente o formulario ds160 formulario solicitação visto americano. para imprimir a pagina de agendamento basta clicar em agendamento e entao depois clicar em AGENDADO

    Att
    Ze Carlos
    http://www.visto-americano.net




  26. Tatiane Diz:

    Olá, estou com uma entrevista agendada para tirar o visto, mas tive alteração de minhas férias na empresa, posso cancelar a entrevista? Preciso solicitar o cancelamento ou basta não comparecer? Terei algum problema futuro se quiser solicitar novamente? O visto agora tem quanto tempo de validade?

    Obrigada!




  27. Vinicius Diz:

    Boa tarde Ivan,

    Estou com uma dúvida simples, eu fiz o agendamento para o Visto colocando eu como requerente principal, minha esposa e minhas duas cunhadas (menores de idade).

    No grau de parentesco coloquei conjuge para minha esposa,
    E irmã para minhas duas cunhadas.

    Isto esta correto? já que lá não tem grau de parentesco “cunhada”.

    Então coloquei irmã já que as duas são irmãs da minha esposa.

    Obrigado!




  28. Mizael Diz:

    Olá, será que vocês podem me ajudar?
    Sou servidor público federal e meu cargo é de professor, nesse caso, minha ocupação primária seria Educação ou Governo?
    Quanto ao valor que ganho por mês, devo preencher o valor bruto ou líquido do contra-cheque?
    Recebo também uma bolsa de pesquisa, devo somar o valor com o quanto ganho por mês?

    Obrigado.




  29. flavia Diz:

    Eu morei nos estados unidos por 2 anos ilegal e vim ao Brasil. Na volta cancelaram meu visto e escreveram cancel withdrawl. Tenho duas irmãs lá e sobrinhas. Moro no Brasil fazem 9 anos. Meu companheiro (união estável) tem visto de 10 anos e é Funcionário publico (assessor de desembargador) temos um filho de 10 meses e queremos passar o Natal na Disney com a minha família. Meus pais tem visto de 10 anos também. Sou gerente da clinica de minha irmã q mora na
    Florida e representante legal dela aqui. Tenho chances de um novo visto ou devo aguardar 10 anos?




  30. Vanessa Diz:

    Ola, quero levar minha mae que mora comigo pra Disney em fev/14 minha família já tem visto.
    Vou arcar com todas as despesa da viagem delam, ela tem 65 anos nunca obteve visto, ela tem que fazer a entrevista ou eu posso representa-lá, já que a documentação será toda minha pois eu que que vou pagar tudo.




  31. Anoninous Diz:

    Olá.
    Tive o visto negado pelo motivo: – o senhor nao conseguiu provar vinculos no seu pais, e pode querer nao voltar dos EUA. Mas podera tentar o pedido de visto novamente.
    Se nunca fui em 60 anos, (por que NUNCA quis ir para lá, pois nunca me atraiu) e o motivo da ida, era por luto, e detalhe vai a familia inteira (6 pessoas do Brasil, 4 da Alemanha e 6 de outros paises Europeus).
    Por ser divorciado, ouvi do ridiculo (agente consuler) que eu nao tinha esposa e nao poderia ir, por falta de vinculos fortes no Brasil. Ah sim nenhuum, apenas uma empresa, imovel proprio.
    País ridiculo, funcionarios arrogantes e etc.
    Tentar visto novamente?
    Me poupe o motivo da ida, era por luto, e por 2 semanas.
    Enfim nem cheguei a mostrar os documentos numa entrevista vexatoria de menos de 1 minuto.
    Duvido muito que seja o ridiculo e arrogante consuler que decida conceder ou nao o visto a alguem.
    Se nao fui em 60 anos, jamais pensaria em morar la, e nao pretendo ir nunca. E nao passar por esta situação humilhante novamente.
    Alias queria um visto para visitar uma parente por luto, e nao visitar o pais.
    Simplesmente lamentavel o ocorrido.
    Desculpe por publicar o desabafo aqui, mas estou procurando algum lugar para relatar oficialmente o ocorrido, porem como diz o ditado, acho que so mesmo reclamando com o bispo.
    Ir para os EUA?
    Nem de graça, mesmo que no futuro nao exijam mais visto, e nem mesmo que me paguem.




Deixe um Comentário

  • Agora estamos no Twitter. Clique aqui
  • @SeuNome
  • @NomeDoUsuario